Reflexões sobre cura, tempo e tratamento

Existe certa ânsia em adquirirmos os resultados pretendidos aos nossos diversos projetos de vida. Quando o assunto é saúde geralmente isso também se aplica. Muitas vezes, nos empenhamos motivados, de início, numa mudança de atitude que, com seu devido tempo, resultará em melhora de nossa qualidade de vida e estado de saúde. Mas em pouco tempo abandonamos a empreitada, seja porque não vimos seus frutos idealizados ou porque ainda estamos presos aos hábitos passados que nos impedem a evolução. 

Frustramo-nos, assim, e deixamos de prosperar nesse sentido. 

Sinto também que cada projeto abandonado ou adiado, não por consciência de que ele não nos é mais necessário, mas sim pela falta de comprometimento conosco, aumenta um pouco mais o emaranhado problemático humano, adicionando-o algum sentimento de estresse, culpa, vergonha ou inatividade.

Para sermos realistas em nossos projetos de saúde, precisamos ter clareza de que cada atitude tem seu resultado no devido tempo. É necessário estarmos conscientes de que nossa mente está condicionada ao imediatismo e que, muitas vezes, nos depararemos com nossa pressa e ela poderá nos atrapalhar. 

"Aproveitar o processo" parece ser uma frase clichê, mas ela significa estar física, mental e energeticamente presente no momento atual, vivenciando cada instante em sua integridade e potencialidade. Devemos aproveitar o processo de cura. A cura é o processo. Saúde é o processo. 

Deixo aqui, algumas frases para reflexão sobre o assunto:

"Pretender adquirir <saúde> instantaneamente, de forma mágica e milagrosa, não faz parte da lógica de um trabalho sério. Quanto mais se promete um milagre, maior a frustração quando não se vê o resultado. Quando o resultado tarda ou a pessoa tem de lidar com a sua realidade biológica, seguindo regras específicas para manutenção do corpo, a impaciência e a desconfiança brotam, a lógica perde seu lugar, e ocorre a desistência do tratamento."

"Querer que maus tratos impressos durante anos ao organismo desapareçam de uma hora para outra ou decidir-se por um estilo de vida saudável e esperar que isso, milagrosamente, apresente resultados no dia seguinte é uma exigência sem fundamento."

"A cura de verdade é sempre mais demorada que o processo que levou ao problema que tem de ser curado. Um corte ocorre em segundos, já a cicatrização leva semanas. Em um segundo a pessoa cai e fratura um osso, mas a recuperação deste pode demorar meses para acontecer. Enfim, essa é uma regra orgânica universal."

"O corpo segue regras naturais. Se quisermos modificar e melhorar nosso organismo, teremos de respeitar o tempo dele para a recuperação, tempo esse que depende do estado em que o corpo se encontrar, de nosso estilo de vida, de como nos alimentamos, nos movimentamos e repousamos."

Fragmentos do livro Técnicas de aplicação de óleos essenciais: terapias de saúde e beleza, de Fernando Amaral

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DOSHA KAPHA: funções, características e desarmonias

DOSHA KAPHA: FORMAS DE HARMONIZAÇÃO

Descubra a Abhyanga - A tradicional massagem do Ayurveda